Grupo CMPC investe em ampliação de linha de produção para fabricar 14 milhões de máscaras cirúrgicas por mês no Brasil

12/05/2020

O Grupo CMPC, por meio de uma das suas empresas, a Softys – subsidiária de produtos de higiene e cuidados pessoais -, anuncia a compra de uma segunda máquina para fabricar máscaras cirúrgicas descartáveis no Brasil, o que permitirá uma capacidade de produção de 14 milhões de unidades por mês. A companhia fará a distribuição gratuita desses suprimentos de proteção no atual contexto de combate ao coronavírus.

O Rio Grande do Sul, onde a CMPC mantém suas operações no Brasil, será um dos estados a receber os primeiros lotes de máscaras, que serão destinados aos serviços públicos de Saúde de municípios gaúchos. O Grupo também reservará uma quantidade de máscaras necessárias para o uso e os cuidados de seus próprios colaboradores. Outros estados, em que estão localizadas as unidades industriais da Softys – São Paulo, Paraná e Pernambuco -, também receberão a doação do equipamento.

Recentemente, a companhia divulgou o início da fabricação de máscaras de proteção em sua planta industrial de Caieiras, em São Paulo, que até o início de maio deve produzir 1,5 milhão de máscaras por mês. Devido à alta demanda por itens de proteção para profissionais de saúde e para a população, a empresa decidiu ampliar em oito vezes a produção de máscaras de proteção com a aquisição de uma segunda máquina, que deve iniciar a produção de 12,5 milhões de máscaras em até 120 dias.

“Nossa preocupação é com a segurança e a saúde das pessoas. Essa iniciativa é uma forma de nos colocarmos à disposição das autoridades de saúde e ajudar nesse momento tão desafiador na vida de todos os brasileiros”, afirma Mauricio Harger, diretor geral da CMPC no Brasil. “Além disso, precisamos cuidar para continuar. A celulose é muito versátil. Papel higiênico, papel toalha e embalagens para alimentos e remédios, por exemplo, deixariam de ser fabricados se não fosse este insumo. Portanto, a produção de máscaras pelo grupo é mais uma forma de cuidar da sociedade, dos nossos colaboradores e prestadores de serviços”, completa o executivo.

A CMPC vem desenvolvendo uma série de iniciativas de solidariedade no Rio Grande do Sul, somente nos últimos dias já foram anunciadas:

• 100 mil máscaras e 10 mil luvas já distribuídas nos municípios do interior do Estado do Rio Grande do Sul;
• Investimento de recursos para a melhoria de um pronto atendimento, que após as obras de reforma e ampliação, terá sua capacidade de atendimento e oferta de serviços aumentada, tornando-se um hospital de média complexidade, com mais leitos para a população;

• Doação de 150 cestas básicas de alimento e itens de higiene para famílias em situação de vulnerabilidade social de Guaíba, município onde mantém sua unidade industrial.

• Adesão à campanha da “Solidariedade contra o Coronavírus” em uma aliança colaborativa com outras empresas gaúchas e o Instituto Cultural Floresta (ICF). Investimento de 300 mil para aquisição de milhares de equipamentos para o enfrentamento da situação no Rio Grande do Sul:

– Máscaras cirúrgicas;

– Aparelhos respiradores;

– Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s);

– Mais de 5 mil litros de álcool em gel;

– Cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade.